Yeda Crusius é condenada por improbidade administrativa

Sepé Tiaraju 8 junho, 2019 Fonte: Correio do Povo

A ex-governadora Yeda Crusius (PSDB) foi condenada, em sentença divulgada nesta sexta-feira, por improbidade administrativa dentro do esquema fraudulento descoberto pela Operação Rodin. A ação foi ajuizada pelo Ministério Público Federal (MPF)  e a decisão tomada pelo juiz federal da 3ª Vara Federal, Loraci Flores de Lima. Cabe recurso ao Tribunal Regional Federal da 4ª região (TRF4).

Yeda foi condenada ao ressarcimento do dano causado ao erário, limitado ao prejuízo decorrente do contrato nº 09/2007, celebrado entre Detran/RS e Fundae, solidariamente com os demais réus responsáveis; na perda da função/aposentadoria pública caso ocupada à época do trânsito em julgado da sentença; na suspensão dos direitos políticos, pelo prazo de cinco anos, e no pagamento de multa civil, no valor correspondente a 2% do valor total e atualizado do dano e na proibição de contratar com o Poder Público, pelo prazo de cinco anos.

O juiz avaliou que Yeda tinha ciência e anuência das irregularidades praticadas no Detran-RS. Além disso, ela teria “colaborado para a continuidade do esquema fraudulento”.

 

Notícias Relacionadas

  • Sepé Tiaraju 26 junho, 2019

    Alcolumbre cancela trecho de MP sobre demarcação de terras indígenas

    O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), decidiu desconsiderar trecho da Medida Provisória (MP) 886, ...

    Leia mais >
  • Sepé Tiaraju 25 junho, 2019

    Senador acompanha comitiva missioneira em visita ao vice Mourão

    O senador Luis Carlos Heinze (PP/RS) esteve nesta terça-feira (25),  acompanhado de representes da região ...

    Leia mais >
  • Sepé Tiaraju 25 junho, 2019

    Bolsonaro recua e revoga decreto das armas

    O presidente Jair Bolsonaro revogou o decreto que ampliou o acesso a armas e munições. ...

    Leia mais >
© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.