Van atropela e arrasta motociclista por quase 300 metros no centro de Rio Grande

NULL
Lucas de Campos 23 janeiro, 2015 Fonte:

Mateus Souza Martins, de 22 anos, está em estado grave na Santa Casa de Rio Grande, após ter sido arrastado, aproximadamente por 300 metros, por uma van, de placas de Santa Cruz do Sul.

Segundo as primeiras informações, Mateus trafegava em uma moto na rua General Gurjão (preferencial), quando uma van, que vinha pela rua Garibaldi, atingiu-o violentamente. O motorista da van, que até este momento ainda não havia sido localizado, não parou para prestar socorro. O acidente ocorreu por volta das 3h da madrugada desta quarta-feira.

Ainda segundo pessoas já ouvidas, o motorista do utilitário estaria embriagado e, quando se deu conta de que Mateus estava preso ao veículo, teria parado, descido da van, desprendido o corpo do motociclista e o abandonado sem prestar socorro.

Mãe de vítima de acidente reclama de descaso

A mãe do jovem Matheus Souza Martins (22 anos), Solange Maria de Souza, está reclamando do descaso por parte da empresa proprietária da van que atingiu a motocicleta conduzida por seu filho em um acidente ocorrido na madrugada da última quuarta-feira (21), na rua General Gurjão (centro). Ela diz que conseguiu ligar para um representante comercial da firma em Rio Grande, o qual teria lhe informado que a direção da empresa, sediada no município de Santa Cruz do Sul, faria contato para tomar as providências necessárias. “Acontece que até então, nenhum contato foi feito, nem mesmo para saber como está o estado de saúde do meu filho ou oferecer algum auxílio”, disse Solange.

Matheus sofreu diversos ferimentos e está hospitalizado na Santa Casa, em estado grave. No acidente, o motorista da van, já identificado pela Polícia Civil, trafegava pela rua Garibaldi e invadiu a rua preferencial, General Gurjão, atingindo a motocicleta violentamente. Após a queda, o motociclista foi arrastado pela van por cerca de 300 metros. Depois, segundo uma testemunha, o motorista retirou Matheus debaixo do veículo e o abandonou na rua Senador Corrêa, fugindo sem prestar socorro.

Segundo informações da Polícia Civil, o motorista da van teria seguido para Santa Cruz do Sul, mas até ontem estava desaparecido.

De acordo com Solange Martins, que mora em Santa Maria e veio para Rio Grande tão logo soube do acidente, Matheus estuda engenharia na Furg. O jovem sofreu fratura no maxilar e numa clavícula, além de diversas escoriações, principalmente nas costas.

Fonte: jornalagora.com.br

© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.