Sucesso total no Natal Cidade dos Anjos e Réveillon na praça pública

Natal Cidade dos Anjos 2015 teve reveillon na praça
Lucas de Campos 4 janeiro, 2016 Fonte:

Encerrou com “chave de ouro” na quinta-feira, 31 de dezembro, mais uma edição do Natal Cidade dos Anjos. Iniciando a programação o prefeito de Santo Ângelo, Valdir Andres e a primeira-dama e vereadora Zilá Andres procederam a entrega de Certificados de Honra ao Mérito, a artistas, empresas e entidades que colaboraram com a realização desta edição do Natal Cidade dos Anjos.

Interpretando grandes sucessos dos 47 anos de carreira, o cantor, compositor e acordeonista Luiz Carlos Borges abrilhantou o 3º Réveillon na Praça, evento que está se tornando tradicional dentro da programação do Natal Cidade dos Anjos.

Ainda integrando as atividades especialmente preparadas para o Réveillon na Praça aconteceu o Show da Virada com a Cia Circense Burzum. O espetáculo trouxe para o palco a cantora Kerly Mess, além de 15 artistas da companhia que fizeram um tour pelos shows produzidos pela Cia Burzum em uma década de trajetória. Os dez anos de fundação serão comemorados em abril.

Ao declarar encerrado oficialmente o Natal Cidade dos Anjos 2015, o prefeito de Santo Ângelo, Valdir Andres, anunciou a realização d e mais uma edição do evento para o final de 2016. Andres ressaltou que novamente o Natal Cidade dos Anjos terá pelo menos 20 dias de espetáculos e que os preparativos para o evento já iniciam com o encerramento da programação 2015.

O prefeito de Santo Ângelo destacou ainda a expressiva participação de artistas locais e o empenho da equipe da atual administração para a realização do Natal Cidade dos Anjos 2015.

O Natal Cidade dos Anjos 2015 foi uma realização da Prefeitura de Santo Ângelo e Fecomércio/RS-Sesc, com apoio do Sindilojas Missões e patrocínio da Corsan, Banrisul, Farmácias São João, Lojas Becker, Vivalar, Frigorífico Alibem, Rede de Postos Charrua e Redemaq.

Principal atração do Natal Cidade dos Anjos desde 2013, o espetáculo em projeção mapeada surpreendeu e encantou em cada nova edição. Em 2015, o vídeo mapping teve um “sabor especial”.

Todo o espetáculo, intitulado “Morte e Vida de Sepé”, foi produzido em Santo Ângelo, com a participação de artistas locais, produção do Estúdio Coletânea de Jonas Demenghi e texto do professor e historiador, coordenador da Secretaria de Cultura de Santo Ângelo, Mário Simon.

O espetáculo, que foi apresentado diariamente desde 11 de dezembro, retratou nesta edição a história do herói missioneiro o índio Sepé Tiaraju.

A narração inicia com a decisão de que os Sete Povos das Missões passariam a ser território de Portugal, pelo Tratado de Madrid e os guaranis teriam que desocupar essas terras. Em um ato de bravura o índio José Tiaraju – o Sepé – liderou uma revolta que jamais foi contida, mas que causaria também a morte de Sepé.

Em 1756, pouco antes de morrer para se tornar um mito Sepé proferiu as palavras que se tornariam um hino para os Sete Povos das Missões: “esta terra tem dono!”. Todas essas passagens da história foram representadas neste inesquecível e emocionante espetáculo.

Na programação do Réveillon na Praça, o espetáculo “Morte e Vida e Sepé” foi reprisado no intervalo entre o show de Luiz Carlos Borges e Cia Burzum e encerrando a programação.

© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.