Secretaria da Saúde confirma: mulher morreu por dengue em Santo Ângelo

NULL
Lucas de Campos 27 março, 2015 Fonte:

A Secretaria Estadual de Saúde confirmou, nesta sexta-feira (27), a primeira morte por dengue no Rio Grande do Sul. Trata-se de uma mulher de 41 anos, que morreu no dia 22 de março, em Santo Ângelo, na Região Noroeste do Estado. A investigação deste óbito está sendo feita pela Secretaria de Saúde de Santo Ângelo, em conjunto com a 12ª Coordenadoria Regional de Saúde e Centro Estadual de Vigilância em Saúde (Cevs/RS). Na tarde desta sexta-feira (27), as vigilâncias Epidemiológica e Ambiental do Cevs/RS adotaram como medidas a manutenção da força-tarefa na Região Missioneira bem como a implantação de um gabinete de crise na 12ª CRS, com o objetivo de prestar informações técnicas e definir estratégias e ações de combate à dengue nos municípios da região.Há 15 dias, uma força-tarefa da Vigilância Ambiental em Saúde do Cevs/RS atua na região por meio de aplicação de inseticidas com veículos para bloqueio químico e máquinas costais, especialmente nos municípios de Caibaté, São Miguel das Missões, Mato Queimado, Cerro Largo, Rolador e Santo Ângelo, que apresentaram casos suspeitos da doença.Em 18 de março, a SES/RS emitiu um alerta epidemiológico para os municípios da 12ª Coordenadoria Regional de Saúde. O alerta, dirigido a todos os profissionais de saúde da Região Missioneira, traz informações técnicas e estabelece fluxos, desde o controle do inseto ao manejo de casos suspeitos da doença.O Cevs divulga semanalmente a atualização dos casos de dengue no Estado. No último balanço, publicado no dia 24 de março, o RS registrava 66 casos, sendo 35 autóctones e 31 importados – confira o detalhamento aqui. O próximo boletim atualizado será divulgado na terça-feira (31).

© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.