Quadrilha que assaltou banco na Argentina está na Penitenciária de Ijuí

NULL
Lucas de Campos 7 fevereiro, 2015 Fonte:

ASSALTO – Um brasileiro condenado por dois assassinatos seria a conexão local da quadrilha que assaltou o Banco Macro e deixou um policial morto e outro ferido na última segunda-feira, 02, em El Soberbio, na Argentina. Sábado passado, 31, a caminhonete Hyundai Veracruz com os ladrões foi vista na casa do homem, cujo paradeiro é desconhecido desde o dia do assalto.

 Existe a suspeita de que os autores passaram todo o final de semana escondidos em El Soberbio. Os bandidos não escolheram esse dia para o crime por acaso, e sim por ser o de maior movimento na agência. De acordo com as autoridades, a Hyundai Vera Cruz foi roubada no Brasil por criminosos perigosos.Quatro dos sete suspeitos de roubarem o banco foram presos pela polícia em Tiradentes do Sul, na região celeiro. Todos estão na Penitenciária Modulada de Ijuí. Um deles é oriundo de Cruz Alta.

CAPTURA – Os agentes da Polícia Civil de Catuípe, comandados pelo delegado Ricardo Miron, com base em informações recebidas e mediante investigação capturaram ontem, 05, com apoio da Brigada Militar, o foragido Itamar Sides. Conforme informações repassadas hoje, 06, à reportagem da RPI, contra ele havia dois mandados de prisão, expedidos pelas Comarcas de Ijui e Nova Petrópolis.O acusado estava foragido há mais de 8 anos quando fugiu para o Estado da Bahia e desde 2011 residia em Catuípe. Ele se passava por seu irmão, usando documentos dele. Inclusive, por motivos de saúde, Itamar Sides fez tratamento médico, transplante de órgão e conseguiu benefício do INSS, tudo em nome do irmão Jair Sides.

© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.