Prisão em flagrante e atropelamento, os destaques na segurança pública em Santo Ângelo

NULL
Lucas de Campos 9 junho, 2015 Fonte:

Prisão em Flagrante – Roubo – Santo Ângelo/RS – Às 00h30min(08/06) Uma guarnição da BM foi despachada para atendimento de uma ocorrência de furto na residência localizada na rua Barão de Santo Ângelo, bairro Missões. No local os policiais fizeram contato com a vítima a qual relatou que surpreendeu um indivíduo tentando invadir sua residência para furtar, e este após visualizá-la lhe fez ameaças antes de fugir, tendo o mesmo corrido para outros pátios e casas próximas, pulando muros e subindo em telhados. Rapidamente os policiais iniciaram as buscas e após uma hora localizaram o acusado em cima do telhado de uma residência. Os policiais foram informados também que o acusado havia tentado arrombar o veículo Ford Escort que estava estacionado em via pública. Diante dos fatos foi dado voz de prisão ao acusado e encaminhado o mesmo até a Delegacia de Policia para lavratura do flagrante.

 Atropelamento de pessoa – Às 19h33min(08/06) Uma guarnição da BM foi solicitada para comparecer no HSA para verificar a situação de uma senhora que havia dado entrada com alguns ferimentos. No local os policiais fizeram contato com a vitima a qual relatou que ao atravessar a Av Getulio Vargas não visualizou o veiculo PEUGET de cor preta que deslocava em alta velocidade  que deslocava na Av sentido centro-bairro sendo colhida pelo veiculo caindo ao solo sofrendo lesoes leves,segundo uma testemunha o condutor do PEUGET parou e disse que não chamasse a brigada militar deu 100,00reais  para os medicamentos e deixou o n° do seu celular, deslocou do local. 

  Desobediencia-Dano – Injuria Às 22h40min (8/6) Uma guarnição da BM foi solicitada para comparecer na residência localizada na rua Alfredo leopoldo fett, segundo comunicante sua casa teria sido apedrejada ,ao deslocar para o local, nova informação que populares haviam detido em via pública o acusado, chegando no local constataram que o acusado detido  é ex-companheiro da filha de um dos moradores que teve a casa apedrejada, e que tem medida protetiva, diante dos fatos as partes envolvidas encaminhadas a DPPA  para providencias, autoridade orientou para que fatos sejam apurados em inquérito.

© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.