Presidente da Farsul reúne-se com produtores rurais em Santo Ângelo

Sepé Tiaraju 27 outubro, 2018 Fonte: A Tribuna

A Federação da Agricultura do Estado do Rio Grande do Sul (FARSUL) vem intensificando o trabalho de interiorização, com o objetivo de aproximar cada vez mais a entidade dos produtores rurais. Nesta sexta-feira, o presidente da Farsul, Gedeão Pereira, esteve reunido com o presidente do Sindicato Rural e diretor da Farsul, Cláudio Duarte, o vice-presidente, Laurindo Nikititz. A reunião contou com a participação do vice-presidente, Elmar Konrad, o diretor administrativo, Francisco Lineu Schardong, o assessor da Farsul, Derly Girardi, e o consultor da Casa Rural, Ernani Bernardi.

O presidente da Farsul ouviu as principais demandas e preo eupações dos produtores rurais da região. Gedeão observou que essa ação de interiorização é fundamental para que possamos ver de perto a realidade de nossos produtores.

ELEIÇÕES

Pereira explica que a federação está atenta as eleições que acontecem no final de semana que vai definir os rumos do país. Ele salienta que os produtores rurais enfrentam uma série de desafios e as medidas que serão adotadas pelo futuro governo serão fundamentais para o crescimento da agricultura e o desenvolvimento do país.

DIREITO DE PROPRIEDADE

“Há mais de 20 anos o país tem relativizado a questão do direito de propriedade que gera uma grande insegurança jurídica. Temos também sido afetados pela questão da reforma agrária, os quilombolas e os indígenas. São dificuldades que afetam o agronegócio. Existe um código florestal brasileiro que estabeleceu o instituto da reserva ilegal que tem sido altamente nocivo para a expansão do agronegócio”, diz o presidente da Farsul.

SIUTAÇÃO DO MERCADO

Além da questão da terra, o presidente também salienta as dificuldades em decorrência do mercado. “Hoje há dificuldade na questão dos insumos para o plantio da soja que foram adquiridos com preço médio de 4,2 dólares. Também há dificuldade em virtude da Super Safra, devido aos avanços tecnológicos, que acarreta queda nos preços, bem como a desvalorização da Lira Turca que atingiu as exportações do boi vivo; e as dificuldades da cultura do arroz pelo baixo valor, além da cultura do leite que concorre com produtores do Mercosul. Então podemos temos inúmeros desafios e para que sejam superados é preciso um Estado mais eficiente, menos inchado, mais leve, com menor carga tributária e mais liberal para que possamos competir com os outros países”.

REGIÃO

O presidente também esteve na posse dos novas diretoria do Sindicato Rural de Ijuí e Sindicato Rural de Santo Antônio das Missões.

Notícias Relacionadas

  • Sepé Tiaraju 10 dezembro, 2018

    Dia de Campo enfatiza Gestão da Propriedade em São Miguel das Missões

    Com o propósito de compartilhar experiências e conhecimentos técnicos construídos com vistas à sustentabilidade nas ...

    Leia mais >
  • Sepé Tiaraju 9 dezembro, 2018

    Semeadura de soja e milho acelera enquanto a colheita do trigo chega ao fim

    Enquanto o trigo tem a colheita finalizada no Rio Grande do Sul, apresentando produtividade média ...

    Leia mais >
  • Sepé Tiaraju 5 dezembro, 2018

    China sinaliza possibilidade da volta de compras de soja nos EUA

    As especulações sobre os próximos movimentos de China e Estados Unidos após a trégua anunciada ...

    Leia mais >
© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.