Prefeitura fecha as portas por uma hora nesta quarta

Ação é em apoio à mobilização feita pela AMM
Lucas de Campos 1 setembro, 2015 Fonte:

Em apoio à mobilização realizada pela Associação dos Municípios das Missões (AMM), a Prefeitura de Santo Ângelo fechará as portas nesta quarta-feira, 2, das 9h30 às 10h30. O protesto acontecerá em virtude da grave crise financeira enfrentada pelos municípios brasileiros. A decisão de paralisar as atividades foi tomada durante reunião da AMM realizada em Mato Queimado em 21 de agosto.

De acordo com estudo realizado pela AMM somente do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), os 26 municípios da AMM têm mais de R$ 1 bilhão para receber. Restos a pagar somam mais de R$ 56 milhões e na Educação deixaram de serem repassados mais de R$ 900 mil. Além disso, se o Supremo Tribunal Federal (STF) já tivesse julgado a ação de redistribuição dos royalties do petróleo, estariam nos cofres dos municípios das Missões mais de R$ 22 milhões.

A Capital das Missões também está enfrentando diversas dificuldades na manutenção dos serviços básicos em virtude do atraso dos repasses da União e do governo do Estado. Uma série de medidas de contenção de gastos já foi adotada pela atual administração.

Além da paralisação das atividades, os prefeitos das Missões estarão reunidos na sede da AMM em Cerro Largo às 10h30. Além do presidente da AMM, o prefeito de Giruá Angelo Fabiam Duarte Thomas o ato contará com a presença do presidente da Federação das Associações dos Municípios do Rio Grande do Sul (Famurs), prefeito de Candiota, Luiz Carlos Folador.

 

 

© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.