Prefeitura fecha as portas na sexta

NULL
Lucas de Campos 23 setembro, 2015 Fonte:

A Prefeitura de Santo Ângelo vai fechar as portas nesta sexta-feira, 25. A ação é em apoio à mobilização organizada pela Federação das Associações dos Municípios do Rio Grande do Sul (Famurs). Serão mantidos apenas os serviços essenciais. Terão atendimento normal as secretarias de Saúde e Educação e o Conselho Tutelar.

O protesto acontecerá também nos outros 25 municípios da área de abrangência da Associação dos Municípios das Missões (AMM). A mobilização intitulada Movimento do Bolo é realizada em virtude da atual conjuntura do Pacto Federativo, em alusão à pequena fatia dos municípios na divisão do bolo tributário.

Segundo a Famurs, em 2015, os municípios sofrerão um prejuízo de R$ 776 milhões nos repasses do ICMS e do FPM. Outro problema é a concentração de recursos nos governos estadual e federal. Atualmente, apenas 18% do montante dos recursos arrecadados com impostos retornam aos municípios, local onde moram as pessoas, os problemas aparecem e precisam ser resolvidos. A União fica com a maior fatia, 57%, enquanto os Estados recebem 25% do bolo.

Além disso, o atraso do repasse dos recursos da União e do Estado, aliado à queda na arrecadação prejudica a manutenção dos serviços essenciais.

O prefeito de Santo Ângelo, Valdir Andres, ressaltou que o atendimento será paralisado, justamente para chamar a atenção da sociedade sobre a grave crise financeira enfrentada pelas prefeituras.

 

 

© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.