Prefeitura de Santo Ângelo está em alerta financeiro

NULL
Lucas de Campos 24 abril, 2015 Fonte:

A Prefeitura de Santo Ângelo está em alerta financeiro. Conforme informações da Secretaria da Fazenda, o valor da arrecadação no primeiro bimestre de 2015 (janeiro e fevereiro) foi menor que o montante arrecadado no mesmo período de 2014.– Caso a diminuição continue no decorrer de 2015 as perdas na arrecadação total deverão chegar a 8% –, afirmou o secretário da Fazenda Eliseu Morin acrescentando que o valor previsto para a arrecadação de 2015 também não deverá se confirmar.Ainda de acordo com Morin, em 2013 a arrecadação de Santo Ângelo cresceu apenas 3,73% com relação a 2012 e em 2014 o acréscimo foi de 4,93% comparado com 2013. “Contrariando esse acréscimo as despesas fixas do município realtivo à folha de pagamento e encargos previdenciários tiveram aumento de 7% em cada exercício, ou seja, o acréscimo na arrecadação não foi suficiente para cobrir o aumento das despesas”, destacou.Além disso, conforme o secretário da Fazenda, despesas com as contas de água, luz, telefone, serviços de limpeza, combustível e alugueis também tiveram acréscimo maior que o registrado pela arrecadação nos dois exercícios.Segundo o prefeito Valdir Andres, para Santo Ângelo que já registrava dificuldades financeiras a situação deverá se agravar. “A atual administração já implantou um sistema de corte de gastos e despesas supérfluas, mas se a arrecadação continuar caindo, haverá novas contenções de despesas”, ressaltou.Diante do atual cenário, Andres determinou às secretarias o corte de todos os serviços que não prejudiquem o atendimento essencial à população. O chefe do Poder Executivo anunciou ainda o corte de diárias, horas extras, licenças e a realização de trabalhos fora do expediente.

© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.