Prefeitos gaúchos defendem unificação das eleições

NULL
Lucas de Campos 14 abril, 2015 Fonte:

Os prefeitos gaúchos são favoráveis à unificação das eleições gerais e municipais. Cerca de 150 pessoas, entre elas 80 prefeitos(as), participaram de seminário, nesta segunda-feira (13/4), na sede da Famurs, para debater a reforma política nacional. Estiveram presentes no evento o presidente da Federação, Seger Menegaz, e os presidentes de três partidos com maior número de prefeitos no Rio Grande do Sul: Ary Vanazzi (PT), Ibsen Pinheiro (PMDB) e Pompeo de Mattos (PDT).De acordo com Menegaz, os prefeitos gaúchos defendem a unificação das eleições. Para isso, os gestores municipais concordam que é necessária uma eleição para seis anos em 2016. “Ninguém concorda com um mandato tampão de dois anos para unificar as eleições a partir de 2018”, justificou. Outro tema que preocupa os prefeitos é o financiamento público de campanha. “Estamos receosos sobre esse assunto, pois temos medo de que essa proposta possa inviabilizar a candidatura de prefeitos e vereadores”, revelou ao alertar sobre o risco de concentração de verbas para as campanhas a deputado, governador e presidente.

 

© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.