Prefeito de Chiapeta diz que não fechar leitos é um alento

NULL
Lucas de Campos 12 junho, 2015 Fonte:

dos hospitais de pequeno porte do Rio Grande do sul e, posteriormente, apresentar uma proposta aos municípios do Rio Grande do Sul. A informação foi anunciada pelo secretário João Gabbardo, em reunião com prefeitos e representantes de mais de 80 municípios gaúchos, na manhã desta quinta-feira.No encontro, que ocorreu na sede da Federação das Associações de Municípios do RS (Famurs), Gabbardo voltou a dizer que não irá fechar leitos no interior o Estado — pelo contrário, garantiu que o governo pretende abrir três mil novos leitos até o fim do mandato.Na discussão que ocorreu antes da chegada do secretário, que se atrasou em mais de uma hora, o questionamento levantado pelos prefeitos também se deu em relação ao funcionamento dos blocos cirúrgicos nos hospitais de pequeno porte.— Não fechar leitos já é um alento, mas nossa preocupação vai além dos três mil leitos. A gente não sabe como ficará a questão dos blocos cirúrgicos, dos partos, dos nascimentos das crianças que nós fazemos lá nos nossos municípios. E trabalhamos fazendo parto mais humanizado. Me parece que, pela fala do secretário, ainda não tem uma definição clara de como vai ficar essa questão — afirmou Osmar Kuhn, prefeito de Chiapetta e presidente da comissão da Famurs que trata dos municípios com hospitais de pequeno porte, que são 88 o Estado.

© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.