Ponte entre Porto Xavier e San Javier é a principal reivindicação da AMM

Informação é do prefeito de Rolador, Paulo Peixoto que assume a entidade em março
Lucas de Campos 25 janeiro, 2018 Fonte:

O prefeito de Rolador, Paulo Peixoto será o próximo presidente da Associação dos Municípios das Missões (AMM). Peixoto é indicado do PMDB para comandar a entidade que, atualmente, é presidida pelo prefeito de Entre-Ijuís, Brasil Sartori (PP).

O nome do prefeito de Rolador deve ser confirmado na presidência, em 23 de março, quando ocorre a primeira assembleia de 2018 da AMM e a eleição da nova diretoria. Nesta quinta-feira, 25, Peixoto que já é vice-presidente da AMM concedeu entrevista aocomunicador Hogue Dorneles durante o Programa Aldeia Global da Rádio Sepé – AM 540.

Peixoto destacou que como presidente da AMM deverá dar continuidade aos projetos que já estão em andamento na pauta de reivindicações da Região das Missões. Uma delas é a construção daponte sobre o Rio Uruguai entre Porto Xavier e San Javier (Argentina). “Depois de alguns anos adormecida esta questão voltou a entrar em pauta e já se conseguiu um recurso de R$ 56 milhões com a Bancada Gaúcha na Câmara dos Deputados, destinados a esta obra”.

Ainda de acordo com o prefeito de Rolador, lideranças e autoridades das Missões trabalham juntas no anteprojeto, projeto e articulação internacional com políticos argentinos para viabilizar a obra. “Existem ainda muitas etapas a serem vencidas. Entende-se o pessimismo de algumas pessoas, pois esta é uma luta de mais de 40 anos, mas assim foram outras lutas, como a da BR-392, que a região aos poucos foi vencendo. São lutas que com trabalho, garra e dedicação são vencidas e com a ponte não será diferente”.

A expectativa de Peixoto é que até o final de 2018 a obra seja licitada. O futuro presidente da AMM explicou que a Argentina tem a rubrica aberta e isto é importante para viabilizar a contrapartida do país ao projeto. Nesta semana, os membros da Comissão Regional Pró-Ponte Porto Xavier/San Javier, estiveram reunidos em Posadas (Argentina) com lideranças do país vizinho, buscando agilizar o andamento do projeto.

 

© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.