Polícia Federal investiga desvio de recursos públicos do Hospital São Vicente de Paulo.

Policiais federais cumprem mandados de busca e apreensão em Passo Fundo, Porto Alegre e Florianópolis. Foto: PF/divulgação
bernardi 20 março, 2018 Fonte: Comunicação Social /PFRS

A Polícia Federal deflagrou na manhã de hoje, (20/03), a Operação “Efeito Colateral”, que investiga possível desvio de recursos públicos do SUS repassados ao Hospital São Vicente de Paulo, em Passo Fundo. Cerca de 50 policiais federais cumprem oito mandados de busca e apreensão nos municípios de Passo Fundo, Porto Alegre e Florianópolis/SC.
As investigações iniciaram no mês de agostode 2017 para apurar a legalidade de repasses de recursos do Hospital para uma empresa de fachada (ramo de consultoria) localizada em Florianópolis. Diligências realizadas apontam que o titular dessa empresa seria um “laranja”,supostamente vinculado a um funcionário da administração do Hospital.
Apesar de estar legalmente constituído como entidade particular filantrópica, o Hospital São Vicente de Paulo recebe e administra verbas públicas oriundas do Fundo Nacional de Saúde.
A Operação Efeito Colateral investiga o crime de corrupção, visto que gestor desta modalidade de recurso é equiparado a funcionário publico.

Notícias Relacionadas

  • Sepé Tiaraju 15 dezembro, 2018

    Mulher é encontrada morta no porta-malas de veículo Toyota Corolla

    Deise Daniele Roratto, de 40 anos, desde ontem desaparecida, foi encontrada morta no interior do ...

    Leia mais >
  • Sepé Tiaraju 15 dezembro, 2018

    Denarc calcula apreensão de R$ 300 mil em drogas durante operação contra tráfico

    Cerca de R$ 300 mil foi o prejuízo que teve uma facção criminosa na operação ...

    Leia mais >
  • Sepé Tiaraju 15 dezembro, 2018

    Mulher está desaparecida e familiares pedem ajuda na redes sociais

    Familiares de Deise Daniele Roratto estão pedindo ajuda nas redes sociais. Conforme a cunhada, Deise ...

    Leia mais >
© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.