Polícia esclarece homicídio em Três de Maio

NULL
Lucas de Campos 9 abril, 2015 Fonte:

Foi esclarecido o homicídio que vitimou Elenita Altíssimo, 49 anos,  encontrada morta a tiros no dia 30 de março no interior de Três de Maio. o suspeito se apresentou na manhã de hoje em Tres de Maio. O suspeito confessou ter matado Elenita, com quem mantinha um relacionamento.  O delegado Dr. João Vitório Barbato falou do depoimento  que foi colhido por ele  em  a Santa Rosa para ouvir o autor, conforme havia sido combinado com os advogados do confesso, que se encontra acamado na casa de uma filha, após ter sofrido um acidente de trânsito no mesmo dia do crime, o que lhe fez inclusive perder uma das pernas.O delegado disse, que a versão do homem de 62 anos, é de que ele vinha sendo extorquido pela mulher, para a qual já havia lhe dado um carro, mas ela exigia uma casa mobiliada no valor de R$ 180 mil. Segundo ele, Elenita lhe ameaçava e também ameaçava atentar contra os seus familiares. Ele teria agido sozinho.Segundo apontou o laudo do IML de Santa Rosa, Elenita Altíssimo foi morta com quatro disparos de revólver calibre 32.  Barbato disse entender não ser necessário no momento pedir a prisão preventiva do autor, visto que ele é réu primário, tem residência fixa e encontra-se acamado com diversas lesões.O prazo para a conclusão do Inquérito Policial, é de 30 dias.Após cometer o crime em Três de Maio, Valdemir Tusset, 62 anos, morador de Tucunduva, sofreu um acidente de trânsito quando bateu de frente com uma moto que pilotava em uma caminhão, na ERS 305 próximo ao trevo de Tucunduva.A vítima também era moradora de Tucunduva.

© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.