Polícia Civil apreende 150 quilos de maconha em Novo Hamburgo

Foto: Polícia Civil
Sepé Tiaraju 20 outubro, 2018 Fonte: Correio do Povo

A Polícia Civil realizou a apreensão de 150 quilos de maconha neste sábado em uma operação em Novo Hamburgo, na região do Vale dos Sinos. A droga estava avaliada em R$ 300 mil.

A ação foi realizada com autorização judicial, mediante cumprimento de mandado de busca e apreensão. Cinco cargas de maconha foram encontradas pelos policiais civis escondidas no forro de uma residência que era utilizada como depósito de entorpecentes.

A droga, de acordo com a investigação policial, é de alta qualidade, sendo revendida para diversos traficantes da Região Metropolitana e da Capital. Já “marca”, segundo a Policia Civil, está sendo verificada nas investigações.

Pelo menos três pessoas já foram identificadas como sendo responsáveis pelo produto, as quais devem ser localizadas e presas nos próximos dias. Além da droga, foram apreendidos documentos e balanças de precisão utilizadas para pesagem da maconha.

Foram os agentes da 1ª Din/Denarc, coordenados pelo delegado Guilherme Calderipe, que localizaram o depósito de drogas da organização criminosa em Novo Hamburgo. O delegado afirmou que uma série de diligências foi realizada para monitorar o local e identificar o momento exato da busca. “O resultado é fruto de um trabalho intenso de investigação que deve continuar para que todos os responsáveis pelo transporte, armazenamento e distribuição da droga sejam apontados no inquérito.

O diretor de Investigações do Denarc, delegado Mario Souza, destacou que foi um trabalho enérgico que levou os agentes ao local exato do depósito, proporcionando a apreensão da droga. Souza informou também que as “investigações foram conduzidas para a desarticulação do local de esconderijo da droga da facção investigada”.

O delegado ressaltou que o imóvel, segundo as investigações, provavelmente era utilizado somente para o fim de depósito de drogas e de ponto de distribuição. O que surpreendeu os policiais civis foi a quantidade de esconderijos dentro da residência, principalmente o forro do imóvel que era utilizado para a colocação da droga.

A Polícia Civil acredita que pelo menos 100 outros traficantes receberiam a droga, pelas características até agora descobertas da organização, que é de bastante pulverização do tráfico. O delegado Mario Souza afirmou que a apreensão “foi um prejuízo considerável para os traficantes” e que os desdobramentos serão monitorados na região.

Notícias Relacionadas

  • Sepé Tiaraju 22 fevereiro, 2019

    Bandido mata empresário durante assalto à mão armada em Erechim

    Rogério Paulo Soccol, de 54 anos, morreu nesta quinta-feira (21) após ter sido baleado em ...

    Leia mais >
  • Sepé Tiaraju 22 fevereiro, 2019

    Rio Grande do Sul fecha 2018 com a quarta menor desocupação do país, diz IBGE

    O Brasil fechou o quarto trimestre de 2018 com taxa de desocupação de 11,6%, divulgou ...

    Leia mais >
  • Sepé Tiaraju 21 fevereiro, 2019

    Homem é baleado no bairro Leonel Brizola

    Um homem de 30 anos foi ferido por disparo de arma de fogo, na madrugada ...

    Leia mais >
© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.