Perondi diz que mudança na Petrobrás chega tarde

NULL
Lucas de Campos 5 fevereiro, 2015 Fonte:

Agora é oficial. Graça Foster não é mais presidente da Petrobrás. Ela e cinco dos sete diretores decidiram não cumprir o prazo acertado com a presidente Dilma Rousseff, até que substitutos fossem escalados, e deixaram o primeiro escalão da empresa. Para o deputado Darcísio Perondi (RS), vice-líder do PMDB, a substituição na Petrobrás veio com muita demora. Se tivesse sido feita ainda no ano passado, poderia ter evitado uma perda tão grande no valor de mercado da empresa e de suas ações.Segundo Perondi, a Petrobrás foi, durante 12 anos, a fonte alimentadora, através de um caixa dois, do projeto de poder do partido dos Trabalhadores. Os fatos vieram à tona e explodiu o maior escândalo dos últimos 20 anos no mundo envolvendo uma empresa pública. Perondi disse que vai torcer para que a presidente Dilma escolha um comandante inatacável para a Petrobrás. “Existem nomes sendo cogitados, mas eles têm medo de trabalhar com a Dilma e, em especial, na Petrobrás. O roubo na empresa é gigantesco.Na avaliação de Perondi, “Graça Foster e sua diretoria funcionavam como um escudo, mas a corrupção já está subindo a rampa do Palácio do Planalto”. Para o parlamentar gaúcho, os erros foram gigantescos na Petrobrás e na Eletrobrás e por isso os preços da gasolina e da energia elétrica sobem de forma acentuada.

© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.