Para Zilá, o governo Dilma não pode ignorar a pauta de reivindicações dos caminhoneiros

NULL
Lucas de Campos 27 fevereiro, 2015 Fonte:

Os resultados negativos gerados pela paralisação dos caminhoneiros nas rodovias de todo o país, em especial no Rio Grande do Sul, estão afetando diretamente o setor produtivo segundo a líder do PSDB na Assembleia Legislativa, deputada Zilá Breitenbach. A parlamentar usou a tribuna na sessão plenária  para relatar os prejuízos verificados na Região Celeiro do Estado e cobrar atitude da presidente Dilma Rousseff na resolução do problema. Segundo Zilá, o governo Dilma é responsável pelo caos que está instalado nas rodovias. A deputado afirmou que os caminhoneiros possuem legitimidade para protestar, tendo em vista a ausência de investimentos em infraestrutura, a falta de manutenção na malha rodoviária federal e o elevado custo do transporte da produção, configurado sobretudo no aumento recente dos combustíveis.Para Zilá, falta habilidade política por parte da presidente Dilma Rousseff para resolver a crise dos transportes. “Ficou evidente que os caminhoneiros podem parar o Brasil. Eles estão esgotados de rodar em rodovias precárias pela falta de investimentos e manutenção. Na Região Celeiro, os produtores irão arcar com os custos da impotência do governo Dilma no setor de infraestrutura. A produção perecível parada nas rodovias está sendo descartada”, lamentou.

© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.