Nova sistemática de apuração do ICMS entra em vigor

Sepé Tiaraju 3 março, 2019 Fonte: Palácio Piratini

A adoção da nova sistemática relacionada à apuração da complementação ou da restituição do débito referente à substituição tributária do ICMS entrou em vigor na sexta-feira (1º), no Rio Grande do Sul. A medida é decorrente de decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que vigora desde outubro de 2016, além de entendimento recente do Tribunal de Justiça do Estado.

Nos estados de Minas Gerais, Santa Catarina, São Paulo, Paraná e Espírito Santo, essas mudanças estão em fase de implantação. No Rio Grande do Sul, a medida ainda não havia sido inaugurada porque um decreto estadual do ano passado previa que a mudança contasse a partir de 1º de janeiro de 2019. Na ocasião, houve pedido de entidades empresariais para que fosse concedido maior prazo para adequação das empresas, o que foi atendido pela Secretaria da Fazenda, definindo o dia 1º de março como a nova data de implementação.

O subsecretário da Receita Estadual, Ricardo Neves Pereira, reconhece que há mudanças significativas na forma de apurar o imposto, porém destaca que o Estado precisa se adequar à determinação do STF. Ele ressalta que as micro e pequenas empresas optantes pelo Simples Nacional não estão abrangidas pelas normas neste momento. Ou seja, mais de 200 mil contribuintes serão incluídos numa segunda etapa, a partir do segundo semestre deste ano. No momento, somente as empresas da Categoria Geral serão alcançadas pela obrigatoriedade, sendo que a entrega das obrigações acessórias deve ser feita até o dia 15 de abril.

“As médias e grandes empresas incluídas na nova regra não terão de cumprir nenhuma obrigação além das que já têm em suas rotinas”, garante o subsecretário. Ao prestar informações no sistema da Receita Estadual, o cálculo do imposto devido e os valores a serem restituídos ou complementados serão automáticos, explica.

Notícias Relacionadas

  • Sepé Tiaraju 23 maio, 2019

    Aposta no interior de São Paulo leva prêmio de quase R$ 12 milhões na Mega Sena

    Uma aposta feita em Aramina, no interior de São Paulo, levou o prêmio de R$ ...

    Leia mais >
  • Sepé Tiaraju 21 maio, 2019

    Clientes de baixa renda são os que mais reestruturam dívidas de cartão

    Os clientes de bancos de baixa renda são os que mais recorrem à reestruturação de ...

    Leia mais >
  • Sepé Tiaraju 21 maio, 2019

    Comissão derruba portaria que limita acesso à mamografia no SUS

    A Comissão de Assuntos Econômicos do Senado (CAE) decidiu nesta terça-feira (21) derrubar a Portaria ...

    Leia mais >
© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.