Nova direção do Santo Ângelo pede apoio da comunidade

NULL
Lucas de Campos 18 março, 2015 Fonte:

E a Associação Esportiva e Recreativa Santo Ângelo, está desde o dia de ontem com um novo presidente. Na véspera de um jogo decisivo e clássico regional contra o São Luiz de Ijuí, o presidente Ricardo Timm, foi obrigado a deixar o comando da entidade.

Assumiu interinamente a função o 1º vice-presidente Jorge Manuel Ribeiro. O motivo da saída de Timm foi à incompatibilidade com membros da direção, mas principalmente com a comissão técnica e o grupo de jogadores. Além disso, a maneira ditatorial do ex-presidente, e os constantes conflitos que ele promovia junto a segmentos da comunidade, desde o Poder Público, imprensa, empresários e até com torcedores e colaboradores da agremiação.

Hoje pela manhã a nova direção do Santo Ângelo explicou no programa Aldeia Global, que os jogadores se revoltaram contra o presidente Ricardo Timm, porque ele há mais de 40 dias havia prometido o pagamento dos salários, fato que não se consumou na última segunda-feira.

O capitão da equipe, atleta Jésum que é natural de Santo Ângelo, disse que o clima foi de desmotivação e total falta de confiança do grupo com o presidente. “Exigimos sua saída, caso contrário não entraríamos em campo amanhã contra o São Luiz”, afirmou.

Conforme o presidente interino Jorge Ribeiro, existia em caixa no começo da semana, a importância de 40 mil reais. “O ex-presidente Timm, utilizou o dinheiro para o pagamento de outros compromissos, deixando o caixa zerado, o que constrangeu membros da diretoria, toda a comissão técnica e os próprios atletas”, disse Ribeiro.

Relatou de maneira impressionante que o Santo Ângelo não possuía um tesoureiro. Era o próprio presidente Ricardo Timm que pegava o dinheiro da renda, e mais o que vinha da federação e promovida os pagamentos.

No dia de ontem, os novos dirigentes acabaram convidando o desportista Claucio Ceccon, para assumir o cargo de tesoureiro. Conforme o presidente Ribeiro, hoje o custo da folha de pagamento do Santo Ângelo fica em torno de 55 mil reais, e se houve uma prioridade como havíamos falado ao presidente Timm, toda essa situação embaraçosa poderia ser evitada. Inclusive tanto o atual presidente Jorge Ribeiro como o vice-presidente Claudio Somavilla, relataram durante a entrevista que procuraram alertar Ricardo Timm, mas ele ignorou, não confiou nos membros da diretoria e agia sozinho sem compartilhar funções no comando do clube.

O diretor de futebol Valdir Hablowski-Caçula relatou que apesar do atraso dos salários do mês de fevereiro, o grupo de jogadores promete defender com garra a camiseta do Santo Ângelo no jogo desta quinta-feira à noite.

A direção do Santo Ângelo pede a colaboração do torcedor para que lote o estádio da Zona Sul. Está garantindo que a renda da partida será toda repassada aos atletas. Também o faturamento do próximo jogo em casa, marcado para segunda-feira dia 23 contra o Nova Prata, é exclusivo dos jogadores.

© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.