No Brasil há mais de mil creches e 420 UPAs sem funcionar, diz presidente da CNM

Presidente da CNM, Paulo Ziulkowski, falou no Aldeia Global sobre a 21ª Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios
devicari 14 Maio, 2018 Fonte: Rádio Sepé Tiaraju

De 21 a 24 de maio acontece a 21ª Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios, no Centro Internacional de Convenções o Brasil (CICB).  Em entrevista ao programa Aldeia Global, o presidente da Confederação Nacional dos Municípios, Paulo Ziukolski, falou sobre o assunto.

Ziulkowski explicou que nesta edição serão retomadas as pautas tradicionais das demandas dos municípios brasileiros, em diferentes áreas como a saúde e a educação. O presidente da CNM observa que a União cobra sua parte, no entanto não cumpre com suas obrigações, deixando os municípios em situação complicada.

O presidente disse que estão inscritas mais de 5 mil pessoas neste evento, sendo que cerca da metade são prefeitos, vice-prefeitos, vereadores e secretários municipais. “Não estamos indo para buscar uma solução definitiva, pois temos consciência da crise fiscal do país. Estamos tentando ao menos ações para amenizar as dificuldades dos municípios”, observou.

Em tom de debafo, Ziulkowski salientou que o Governo Federal cria projetos como o de construção de creches e UPAs e não coloca recursos para viabilizar esses investimentos. “No Brasil temos mais de mil creches sem funcionar e 420 UPAs no meio do mato por falta de contrapartida do Governo Federal. As prefeituras aderem a esses projetos e fica sem apoio. Veja o caso de Santo Ângelo, o projeto das duas creches que não foram  concluídos, atenderiam 240 crianças. Caso viabilizadas as creches, cada criança teria um custo de R$ 1.200 mensais. Deste custo total o município teria responsabilidade no repasse mensal de R$ 400 por criança. No entanto, a União não repassa a parte que deveria ser de sua responsabilidade e os municípios acabam não colocando em funcionamento pelo risco de comprometer seus orçamentos”, explicou.

Notícias Relacionadas

  • devicari 26 Maio, 2018

    Tribunal determina continuidade de ação contra Cabral e Barcas S.A

    O Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro determinou a continuidade da tramitação ...

    Leia mais >
  • devicari 25 Maio, 2018

    Guardia: greve dos caminhoneiros pode ter impacto relevante no PIB

    O ministro da Fazenda, Eduardo Guardia, afirmou hoje (25) que, a persistir o desabastecimento causado ...

    Leia mais >
  • devicari 25 Maio, 2018

    Caminhoneiros protestam no quinto dia de paralisação no trevo de Entre-Ijuís

    Apesar do acordo amplamente anunciado pelo Governo Federal, na noite de quinta-feira, 24, os caminhoneiros ...

    Leia mais >
© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.