Ministério Público abre investigação sobre desabamento de prédio em SP

Prédio de 26 andares em chamas desaba no centro de São Paulo - Rovena Rosa/Agência Brasil
Sepé Tiaraju 1 maio, 2018 Fonte: Agência Brasil

O Ministério Público do Estado de São Paulo determinou nesta terça-feira, dia 1º de maio, que sejam investigadas as causas do acidente, bem como a veracidade dos relatórios técnicos encaminhados pelos órgãos públicos responsáveis pela manutenção e fiscalização do edifício Wilton Paes de Almeida. A Promotoria de Habitação de Urbanismo já havia instaurado, em 24 de agosto de 2015, um inquérito civil para apurar a possível existência de risco no imóvel, que foi arquivado. Em nota, o Ministério Público informa que reabriu o caso em virtude dos “gravíssimos fatos ocorridos”.

A nota alega que, ao longo de dois anos e sete meses de investigação, os órgãos públicos incumbidos de fiscalizar o imóvel, em especial a Defesa Civil de São Paulo e a Secretaria Especial de Licenciamentos, informaram que, a despeito do Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB) estar vencido, não havia risco concreto que demandasse sua interdição.

Notícias Relacionadas

  • Sepé Tiaraju 19 janeiro, 2019

    Furto de combustível causou explosão que matou ao menos 66 pessoas

    As autoridades mexicanas confirmaram que já chega a 66 o número de pessoas mortas na explosão de ...

    Leia mais >
  • Sepé Tiaraju 19 janeiro, 2019

    Temporal causa alagamentos em Santo Ângelo

    Mais de 40 moradias tiveram problemas de alagamentos em virtude do temporal ocorrido na madrugada ...

    Leia mais >
  • Sepé Tiaraju 19 janeiro, 2019

    OMS lista as 10 principais ameaças para a saúde em 2019

    Surtos de doenças preveníveis por vacinação, altas taxas de obesidade infantil e sedentarismo, além de ...

    Leia mais >
© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.