Legislativo participa de debate junto ao Sindilojas Missões

Foto: Edna Lautert
Sepé Tiaraju 19 julho, 2018 Fonte:

O Comitê contra a pirataria e contra o comércio ilegal e desleal esteve reunido na manhã desta terça-feira, dia 17, na sede do Sindilojas Missões, para debater os problemas que envolvem a prática. No local, os presentes puderam conferir dados apresentados pelo vice-presidente financeiro da Fecomércio e coordenador da Comissão de Combate à Informalidade no Estado, Daniel Amandio.

Segundo informou Amandio, a pirataria representa 50% do comércio informal no Estado. Em Santo Ângelo, somente 2016, estima-se que o comércio informal, juntamente com o contrabando, movimentou cerca de R$ 299 milhões, o que equivale duas vezes o orçamento do Município.

Para Daniel Amandio, o combate à informalidade depende de uma ação educacional e cultural. Segundo ele, em 2017, a Fecomércio percorreu 30 municípios gaúchos trabalhando a mobilização local contra a informalidade e a pirataria, e que nesses locais os reflexos já podem ser sentidos em 2018. “Não podemos desistir”.

EDUCAÇÃO PARA O CONSUMO CONSCIENTE

Depois de ouvir as lideranças da Fecomércio RS e do Comitê, o prefeito Jacques Barbosa destacou que o Município possui um projeto educacional, que será trabalhado nas escolas. Trata-se da cartilha “Comércio Informal – Que Bicho é esse”, destinado à educação infantil e ensino fundamental. O chefe do Executivo disse que por se tratar de um programa educacional, será possível trabalhar com as crianças, também, a educação para o consumo consciente e, assim, mudar as estimativas para o futuro.

PRESENÇAS

A reunião contou com a participação do Presidente da Câmara de Vereadores de Santo Ângelo, Everaldo de Oliveira, dos também vereadores Rodrigo Trevisan, Zilá Andres e Getúlio Zoborowski, Prefeito Jacque Barbosa, vice-presidente da Fecomércio e ex-coordenador do Comitê no Estado, André Roncatto; coordenador do Comitê em Santo Ângelo, também presidente do Sindilojas Missões, Gilberto Aiolfi;  Secretário da Indústria e Comércio, João Baptista Santos da Silva; Auditor fiscal da Receita Federal da comarca de Santo Ângelo, Carlos Jesus Pinto de Moraes; Valter Portalete, do Procon; Neusa Salla, da Delegacia Regional do Conselho Regional de Contabilidade; Luciano Maso, gerente do SESC; Janine Brum, diretora do SENAC; Adair Nascimento, da Vigilância Sanitária; Tatiana Correa, da assessoria tributária da Fecomércio; Felipe Ghislene Freitas, representando a CNEC Santo Ângelo; Viviane Obadowski, presidente da CDL; Mauro Tchiedel, vice-presidente da ACISA; além de associados da entidade, imprensa entre outros.

 

Notícias Relacionadas

  • Sepé Tiaraju 16 agosto, 2018

    OAB anuncia vinda do presidente Ricardo Breier a Santo Ângelo

    A subseção da OAB Santo Ângelo realizou nos últimos dias uma série de atividades alusivas ...

    Leia mais >
  • Sepé Tiaraju 16 agosto, 2018

    FGTAS/Sine de Santo Ângelo promove o “Ação Jovem”

    Para marcar a Semana da Juventude, a Fundação Gaúcha do Trabalho e Ação Social (FGTAS/SINE) ...

    Leia mais >
  • Sepé Tiaraju 16 agosto, 2018

    Operação busca recuperação de R$ 13 milhões em impostos sonegados

    Leia mais >
© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.