Justiça do Paraná fixa multa diária para manifestantes pró e contra Lula

Juiz substituto da 3a. Vara da Fazenda Pública, Jailton Juan Carlos Tontini
Sepé Tiaraju 13 abril, 2018 Fonte: Agência Brasil

O Tribunal de Justiça do Paraná determinou que os manifestantes acampados nos arredores da sede da Polícia Federal, em Curitiba, onde o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva está preso, devem pagar multa diária de R$ 500 mil, caso não cumpram ordem judicial de deixar a área. A decisão foi proferida ontem (13) pelo juiz substituto da 3ª Vara da Fazenda Pública, Jailton Juan Carlos Tontiniu.

Os movimentos citados na decisão são: Central Única dos Trabalhadores (CUT), Partido dos Trabalhadores (PT-PR), Movimento Curitiba contra Corrupção, Movimento Brasil Livre (MBL) e o Movimento UFPR Livre. Segundo a prefeitura de Curitiba, cerca de 500 pessoas, favoráveis ou contrárias a Lula, estão acampadas no entorno do prédio da PF “causando transtornos e a precarização na prestação dos serviços públicos aos moradores pelo bloqueio às ruas”.

No despacho, o juiz explica que a medida visa a evitar o uso da força policial e dissuadir os réus que descumpriram a liminar concedida semana passada pela Justiça à prefeitura de Curitiba. A liminar proíbe os manifestantes de transitar nas áreas determinadas, impedir o trânsito de pessoas e montar estruturas e acampamentos nas ruas e praças da cidade.

Notícias Relacionadas

  • Sepé Tiaraju 20 setembro, 2018

    Doenças por falta de saneamento geram custo de R$ 100 milhões ao SUS

    As internações hospitalares de pacientes no Sistema Único de Saúde (SUS), em todo o país, ...

    Leia mais >
  • Sepé Tiaraju 20 setembro, 2018

    Ipea confirma tendência ao desalento no mercado de trabalho

    As mulheres, parte da população da Região Nordeste, pessoas com baixa escolaridade, jovens adultos (de ...

    Leia mais >
  • Sepé Tiaraju 19 setembro, 2018

    Suspeitas sobre as urnas são “descoladas da realidade”, diz Rosa Weber

    A presidente do Tribunal Superior Eleitoral, Rosa Weber, afirmou que acusações de falta de segurança ...

    Leia mais >
© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.