Homem é morto por tiro de caneta-revólver

Sepé Tiaraju 17 agosto, 2018 Fonte: Correio do Povo

Um pintor de 24 anos foi morto em Castilho (SP) com um tiro no peito disparado por uma caneta-revólver. O autor do disparo, um estudante de 22 anos, se apresentou à polícia no fim da tarde desta quinta-feira, e confessou o crime. Ele entregou a arma  à polícia. Uma dívida de R$ 2 mil teria motivado o homicídio.

A vítima, Romário Cardoso de Oliveira, foi assassinada nessa terça-feira, no bairro Laranjeiras. Ele foi abordado pelo acusado, que é seu primo, quando chegava em casa acompanhado da esposa de 18 anos e do filho de dois anos.

O suspeito estava de bicicleta e primeiro cobrou uma dívida referente à venda de um carro. Em seguida, efetuou o disparo e fugiu. O pintor foi socorrido, mas não resistiu e morreu no hospital. No local do crime, peritos recolheram uma cápsula de calibre 22.

Notícias Relacionadas

  • Sepé Tiaraju 16 janeiro, 2019

    Mais de 20 mulheres afirmam ter sido assediadas sexualmente por cardiologista em São Paulo

    Mais vítimas compareceram à delegacia e ao Ministério Público, em Presidente Prudente (SP), para denunciar o ...

    Leia mais >
  • Sepé Tiaraju 16 janeiro, 2019

    Fraudes no Detran movimentaram mais R$ 450 mil, aponta investigação

    Quase mil procedimentos realizados no sistema informatizado do Detran/RS, sobretudo quanto à inclusão, à alteração ...

    Leia mais >
  • Sepé Tiaraju 15 janeiro, 2019

    Marinha uruguaia apreende pesqueiro brasileiro

    A Marinha do Uruguai apreendeu no domingo (13) uma embarcação brasileira que pescava sem autorização em águas ...

    Leia mais >
© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.