Entregue os apartamentos do Romeu Goulart 2

NULL
Lucas de Campos 22 janeiro, 2015 Fonte:

Empreendimento, localizado no bairro Pilau, beneficiará 160 famílias

Foi realizada hoje, 22, a entrega dos apartamentos do Residencial Romeu Goulart Loureiro 2, localizado no bairro Pilau. As 160 novas moradias receberam investimentos de aproximadamente R$ 8,9 milhões.

Na solenidade, o prefeito de Santo Ângelo, Valdir Andres e o gerente Regional da Caixa Econômica Federal, Lucio Roberto Hackenhaar, entregaram uma chave simbólica a Salete Aparecida Sanches, que representou as famílias contempladas com moradia no empreendimento. Salete será a síndica do Residencial Romeu Goulart Loureiro 2 e agradeceu o empenho de todos os envolvidos com o projeto para a realização do sonho da casa própria dessas famílias.

Em pronunciamento, o prefeito Andres ressaltou a importância de cada pessoa ter um “cantinho” próprio para morar. Andres salientou ainda que esse empreendimento está garantindo moradia digna para mais 160 famílias de Santo Ângelo.

O prefeito de Santo Ângelo acrescentou que a parceria com a Caixa Econômica Federal é fundamental para a diminuição do déficit habitacional no município, destacando-se nesse empreendimento que teve alguns problemas técnicos que atrasaram a entrega.

Já o gerente Regional da Caixa Econômica Federal, Lucio Roberto Hackenhaar, salientou que a parceria com o poder público é essencial para a concretização desse tipo de projeto. Hackenhaar frisou que a atual administração, através das secretarias de Habitação, Assistência Social, Meio Ambiente e Obras, teve efetiva participação e destacado empenho na entrega dessas unidades.

Ainda de acordo com Hackenhaar, outras unidades habitacionais deverão ser entregues em 2015 no município. Entre os empreendimentos, segundo gerente Regional da Caixa Econômica Federal, está o Residencial Jardim, localizado na Zona Norte, onde estão sendo construídas 138 casas. “A expectativa é que essas moradias sejam entregues em abril”, disse.

Além do Residencial Jardim, estão em andamento as obras do Conjunto Habitacional Pilau 2, no bairro Faldino Siede, nas proximidades da Escola de Educação Infantil José Barcaro. Este empreendimento beneficiará outras 136 famílias.

Finalizando Hackenhaar informou que através do Programa Minha Casa, Minha Vida, 2.320 famílias de Santo Ângelo já realizaram o sonho da casa própria. “O programa beneficiou aproximadamente oito mil pessoas, o que representa cerca de 10% da população total do município”, revelou.

Após a solenidade, foi realizado o descerramento da placa inaugural do empreendimento.

O PROJETO

Os apartamentos do Residencial Romeu Goulart Loureiro 2, foram destinados a famílias com renda bruta de até R$ 1,6 mil. Cada família pagará parcelas mensais fixas de 5% da remuneração comprovada. O valor será pago em 120 meses (dez anos). A parcela mínima é de R$ 25 e a máxima R$ 80.

Cada unidade está avaliada em R$ 55,6 mil. A diferença entre o valor pago pela família beneficiada e o valor de mercado dos imóveis será subsidiada pelo governo federal, através do Fundo de Arrendamento Residencial (FAR).

O empreendimento imobiliário conta com 160 apartamentos, distribuídos em dez blocos. Cada prédio possui quatro pavimentos, com quatro apartamentos por andar, totalizando 16 moradias por estrutura.

As unidades habitacionais têm 42,03 metros quadrados e são compostas por dois dormitórios, sala, cozinha e área de serviço conjugadas e sanitário. Além disso, os moradores terão acesso a salão comunitário, quiosques com churrasqueiras, playground, guarita e quadra de esportes. Cada apartamento conta ainda com uma vaga de garagem, totalizando uma área privativa de 46,63 metros quadrados.

A execução do projeto do Residencial Romeu Goulart Loureiro 2 foi viabilizada através de parceria entre a Prefeitura de Santo Ângelo e governo federal, por intermédio do Programa Minha Casa, Minha Vida, desenvolvido neste caso pela Caixa Econômica Federal.

Famílias comemoram a realização do sonho da casa própria

Depois de residir durante três anos na casa de passagem de Santo Ângelo, a doméstica Michele de Aguir Ribas agora comemora a realização do sonho da casa própria, ao lado do marido Victor Hugo e da filha Jenifer. “Foram três anos de espera.

Cheguei a pensar, por diversas vezes, que não teria onde morar. Mas, graças a Deus, agora tenho uma casa”, disse.

Durante oito anos, quem viveu a mesma angústia foi a professora Ana Rúbia Azzolim do Nascimento, que foi participante de outros sorteios de outros empreendimentos e sempre ficou na lista de suplentes. Beneficiada com uma moradia, Ana Rúbia residirá no novo endereço com o pai e a filha. “É uma satisfação muito grande para quem vivia de aluguel e gastava R$ 600 mensais. Não vamos mais precisar gastar todo aquele dinheiro, e agora posso investir em outras coisas. É um sonho de todos terem a casa própria.”, relatou.

Emocionada, a aposentada Maria Isabel Barbosa Machado aguardava o tão sonhado momento em receber as chaves de seu novo imóvel. Após cinco anos de espera, Maria Isabel não vai mais precisar pagar aluguel para viver com os três netos. “É muito emocionante, porque esperei e sempre pensei que iria vencer e venci. As crianças estão muito felizes e eu mais feliz por eles. Isso foi um ato maravilhoso do prefeito, ajudando os pobres que não tem condições de construir uma casa”, revelou.

DSC_0138DSC_0141DSC_0152DSC_0166DSC_0179

Fonte e fotos: Rodrigo Bergsleithner/AI Prefeitura de Santo Ângelo

© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.