Edegar Pretto apresenta resultados da AL em 2017

Balanço foi feito nesta quarta-feira, 17, com entrevista coletiva e relatório
Lucas de Campos 17 janeiro, 2018 Fonte:

O deputado estadual, Edegar Pretto (PT) fez um balanço da sua gestão à frente da Assembleia Legislativa nesta quarta-feira, 17, com apresentação de relatório de atividades e coletiva de imprensa. 

Ao lado da equipe técnica e administrativa – superintendentes e diretores, representantes da Mesa Diretora e do Gabinete da Presidência –, Edegar relembrou as principais atividades e metas estabelecidas no início da administração. “Em um momento difícil e de crise como o que atravessamos neste ano, escolhemos pautas que pudessem unificar o Estado”, observou, citando os temas da Igualdade de Gêneros, alimentação saudável, educação, e o protagonismo nacional da AL na mobilização pela busca dos recursos da Lei Kandir.

Ao mesmo tempo, Edegar afirmou que não iria deixar de se posicionar a respeito de temas de relevância na esfera nacional, como as discussões em torno das reformas da Previdência e Trabalhista. “A Trabalhista já foi votada e aprovada, e na minha opinião vai fazer o brasileiro trabalhar mais e ganhar menos. A da Previdência ainda está em debate, e organizamos dez seminários pelo Estado, dando voz a prefeitos e vereadores, todos unânimes em se posicionarem contrários. Gravamos esses debates e os enviamos a Brasília, para conhecimento da nossa bancada federal. Por minha origem e legado político, não poderia cruzar os braços, me acovardar diante dessa ameaça. E acredito que a Reforma da Previdência só ainda não foi aprovada devido à mobilização popular”.

O presidente encerrou mencionado a ampla produção da AL em 2017 (213 matérias aprovadas, 123 sessões plenárias e 229 audiências públicas realizadas), a economia de recursos que segundo Edgar chegaram a R$ 71 milhões, a política de portas abertas à população (175 mil pessoas circularam AL).

O deputado estadual Marlon Santos (PDT), que assume a presidência da Assembleia Legislativa em 1º de fevereiro.

© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.