Decretada a prisão preventiva de universitário suspeito de extorsão e pedofilia

NULL
Lucas de Campos 30 abril, 2015 Fonte:

O universitárioMatias Ferraz, 23 anos,preso em flagrante na última segunda-feira por suspeita de extorsão e pedofilia, deve ficar na cadeia até o fim das investigações. Na tarde desta quinta-feira foi decretada a prisão preventiva do jovem.

O delegado André Diefenbach, da 3ª Delegacia de Polícia de Santa Maria, deve remeter à Justiça os inquéritos sobre o caso do universitário até quarta-feira. Devem ser dois inquéritos.

Polícia investiga se universitário preso extorquia vítimas em outras cidades gaúchas

No primeiro, constará o caso de suspeita de extorsão, pelo qual o estudante de Arquitetura foi preso em flagrante, na Unifra, na segunda-feira. Nesse mesmo inquérito, o jovem deve ser indiciado por suspeita de pedofilia por conta detrês ocorrências registradas por adolescentes de Nova Palma, que relataram que o estudante pedia que elas enviassem mais fotos e vídeos eróticos, caso contrário, ele publicaria o material do qual já tinha acesso.

Em um segundo inquérito, serão investigadas as cerca de 300 pastas encontradas nos equipamentos apreendidos na casa do jovem e que contêm fotos com pessoas seminuas, algumas de adolescentes.

Polícia investiga participação de namorada de universitário em crime de pedofilia

A prisão

Matias Ferraz está em uma cela com outras pessoas, mas em uma ala criada especialmente para suspeitos desses tipos de crime.

O advogado do universitário, João Paulo Silveira Costa, teria encaminhado, na manhã desta quinta-feira, um pedido à Justiça, sem revelar do que se trata. Em entrevista aoDiário, na noite de quarta-feira, o advogado informou que não irá se manifestar enquanto não tiver uma estratégia para o caso.

DIÁRIO DE SANTA MARIA

© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.