Cuidados com a pele devem se redobrados no verão

Protetor solar deve ser reaplicado em no máximo duas a três horas
Lucas de Campos 27 dezembro, 2017 Fonte:

Durante o verão aumentam as atividades ao ar livre e a radiação solar incide commais intensidade, aumentando o risco de queimaduras, câncer da pele e outros problemas. Nesta quarta-feira, 27, em entrevista aos comunicadores Paulo Renato Ziembowicz e Hogue Dorneles, durante o Programa Aldeia Global da AM 540, a dermatologista Carina Andres prestou diversos esclarecimentos sobre os principais cuidados com a pele nesta época.

Segundo a dermatologista Carina Andres, neste período os cuidados com a pele devem ser redobrados, pois, os raios ultravioletas estão mais fortes. “A pele sofre mais com a exposição solar prolongada e sem os cuidados necessários”, afirmou.

Carina disse ainda que o uso do protetor solar deveria ser diário, independente, da estação, mas com certeza no verão os cuidados precisam ser maiores. A dermatologista indica a utilização de um protetor solar, de no mínimo, fator 30FPS.

Além disso, Carina explicou que, pessoas com pele clara, devem usar protetores mais altos, como 45FPS ou 60FPS. Pessoas com pele morena podem utilizar o fator de 30FPS, mas ninguém nunca deve usar um fator menor que 30FPS.

Outra dica da dermatologista é a reaplicação do protetor solar. “O produto deve ser reaplicado entre duas a no máximo três horas, após a primeira aplicação, porque neste espaço de tempo o produto perde a eficácia. A reaplicação é essencial, pois o produto acaba saindo da pele com o suor ou pela secagem da pele com a toalha, mesmo que a pessoa não fique exposta, diretamente, ao sol”.

Carina destacou também que além dos tradicionais protetores, atualmente, já existem outros itens capazes de garantir maior proteção contra os raios solares, como roupas e fotoprotetores orais (em forma de comprimidos).

Após as dicas, Carina Andres esclareceu diversas dúvidas dos ouvintes da Rádio Sepé.

© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.