Cortes no orçamento federal ameaça novo traçado da BR 392, entre Santo Ângelo e Santa Maria

NULL
Lucas de Campos 23 maio, 2015 Fonte:

Com a sinalização do governo federal de que tentará preservar dos cortes do orçamento projetos considerados estruturantes ou com ao menos 70% dos trabalhos concluídos, duas obras emrodovias do Rio Grande do Sulaparecem como as mais ameaçadas pelo contingenciamento de recursos. As informações são do jornal Zero Hora.Ambas ainda em fase inicial, a duplicação da BR-290 entre Eldorado do Sul e Pantano Grande e a travessia urbana de Santa Maria correm o risco de serem afetadas pela falta de recursos, admite o próprio superintendente do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) no Estado, Pedro Luzardo Gomes:\”Por essas duas obras, ainda teremos que batalhar\”.Projetos como o contorno de Pelotas, a duplicação da BR-116 entre Guaíba e Pelotas e a segunda ponte sobre o Guaíba – que apesar de estar no início é uma promessa pessoal da presidente Dilma Rousseff – são consideradas prioritárias. Mesmo assim, correm o risco de avançarem em ritmo ainda mais lento, dizem fontes do governo federal com trânsito na área de transportes. Outras que ainda estão em fase de projeto, como o prolongamento da BR-448 e o novo trecho na BR-392 entre Santa Maria e Santo Ângelo, terão de esperar.

© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.