Comerciante é preso após informar local de blitz por WhatsApp em Novo Hamburgo

Comerciante repassou foto informando a barreira da BM (Brigada Militar / Divulgação)
Sepé Tiaraju 16 maio, 2018 Fonte:

Uma ocorrência chamou a atenção das pessoas em Novo Hamburgo. Um comerciante, de 36 anos, acabou preso após divulgar em grupos do WhatsApp a realização de uma blitz policial. O homem foi detido em flagrante pela Brigada Militar, no bairro São Jorge.

O comerciante teria enviado uma foto da blitz com a legenda “novamente barreira”. Ele depois encaminhou outra mensagem: “Avisarei quando irem embora”.  O homem foi detido por atentado contra a segurança pública de acordo com o artigo 265 do Código Penal Brasileiro. O artigo prevê que “é crime atentar contra a segurança ou o funcionamento de serviços de água, luz, força ou calor, ou qualquer outro de utilidade pública”. A pena de prisão é de um a cinco anos e multa.

Notícias Relacionadas

  • Sepé Tiaraju 15 outubro, 2018

    Agentes frustram tentativa de fuga no presidio de Santa Rosa

    Uma tentativa de fuga ocorreu no presidio de Santa Rosa, por volta das 16h17min de ...

    Leia mais >
  • Sepé Tiaraju 12 outubro, 2018

    Cerco a possíveis assaltantes de banco não resulta em novas prisões

    Uma ação da Brigada Militar na terça-feira, 9, acabou por frustrar ataques a agências ban­cárias ...

    Leia mais >
  • Sepé Tiaraju 12 outubro, 2018

    Ação contra o tráfico prende mãe e filha no bairro Santo Antônio

    A Polícia Civil prendeu duas mulheres e dois ho­mens por tráfico de dro­gas e associação ...

    Leia mais >
© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.