Cheia no rio Uruguai volta a afetar famílias na Fronteira-Oeste

Foto: Darlan dos Santos / ASCOM /
Sepé Tiaraju 2 junho, 2019 Fonte: Correio do Povo

Duas semanas depois da última cheia, o rio Uruguai volta a afetar famílias na Fronteira-Oeste do Rio Grande do Sul. Em São Borja, de acordo com o coordenador da Defesa Civil do município, Damião Ribas, o manancial atingiu 9,52 metros neste domingo e segue crescendo. Até agora seis famílias foram atingidas – três estão em casa de parentes e as outras foram abrigadas no Ginásio Cleto Dória de Azambuja. Os bares do Cais do Porto estão alagados.

Em Itaqui, conforme Márcio Viécili, dirigente da Defesa civil, o rio media 7,72 m no fim da tarde deste domingo, subindo. A situação é de alerta e a equipe monitora a evolução das águas, que crescem três centímetros por horas. A cota de inundação é de 8,40 m e depende dos rios Ibicuí e Butuí.

Já em Uruguaiana, a medição chegou a 7,57 metros neste domingo. O monitoramento e avaliação da possível necessidade de deslocamento de famílias é realizado pelas autoridades. O rio Uruguai cresce em toda a linha, conforme dados da Prefeitura Naval da Argentina.

Notícias Relacionadas

  • Sepé Tiaraju 26 junho, 2019

    Câmara de Turismo do Paraguai visita às Missões

    Uma equipe técnica da Câmara Municipal de Turismo do Paraguai está passando por vários municípios, ...

    Leia mais >
  • Sepé Tiaraju 25 junho, 2019

    Morre o professor Luiz Trevisan

    Morreu, na noite desta terça-feira, 25, o professor Luiz Trevisan que iniciou sua carreira no ...

    Leia mais >
  • Sepé Tiaraju 25 junho, 2019

    Clube dos Desbravadores da IASD recebe homenagem do Poder Legislativo

    Requerida pelo presidente da Câmara de Vereadores, Dionísio Faganello (DEM), uma Sessão Especial realizada na ...

    Leia mais >
© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.