Câmara mais próxima de abrir CPI do BNDES

NULL
Lucas de Campos 20 abril, 2015 Fonte:

O presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Luciano Coutinho, foi o convidado na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investiga os escândalos de corrupção na Petrobras. Durante a sessão, foi anunciada a obtenção de 198 assinaturas, 28 a mais que o mínimo necessário, para a instalação de uma CPI para investigar os empréstimos secretos concedidos pelo BNDES a um seleto grupo de empresas e a países como Venezuela, Cuba e Angola. O anúncio causou constrangimento a Luciano Coutinho.O deputado federal do PMDB, Darcísio Perondi apóia a criação da CPI e disse que “a caixa preta do BNDES precisa ser aberta”, pois muitos empréstimos são secretos. Ele afirma que  os documentos relativos a estes empréstimos foram classificados como secretos a partir de junho de 2012. O parlamentar entende que muita coisa precisa ser revelada aos brasileiros, inclusive em que condições foram feitos estes empréstimos e para onde foram os recursos.Além disso, lembra Perondi, é importante saber por que o Governo capta recursos a 11% e o BNDES empresta a 5%, provocando um evidente prejuízo ao Tesouro Nacional e ao povo brasileiro”, afirmou o parlamentar gaúcho. Ainda segundo Perondi, a política adotada por Coutinho nos últimos dez anos no BNDES, privilegiando um seleto grupo de empresas, foi desastrosa, pois o país está em recessão e com PIB próximo de zero.

© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.