Bandeira vermelha na conta de luz deve ser mantida em agosto

Sepé Tiaraju 29 julho, 2018 Fonte: A Tribuna

O diretor do ONS (Operador Nacional do Sistema Elétrico), Luís Eduardo Barata, informou nesta quinta-feira (26) que a bandeira tarifária deverá continuar vermelha em agosto, uma vez que o país enfrenta adversidades climáticas em razão da falta de chuva, predominante agora em julho.

A bandeira tarifária vermelha (patamar 2) tem o custo adicional na conta de luz de R$ 5 a cada 100 kWh (quilowatts-hora) consumidos. A repetição da bandeira do mês de junho deve-se à manutenção das condições hidrológicas desfavoráveis e à tendência de redução no nível de armazenamento dos principais reservatórios do SIN (Sistema Interligado Nacional).

“A bandeira vermelha deve continuar em agosto e a tendência é de que ela deva permanecer até o final do período seco. A situação hidrológica encontra-se em situação adversa de norte a sul do país e a chuva não cai”, explicou.

O diretor geral disse que trabalha com a expectativa da chegada do fenômeno conhecido como El Niño, que vem trazendo chuvas para o Sul do país e deverá melhorar a situação hidrológica da região e, consequentemente, também melhorar a oferta de energia elétrica nos estados da região.

“O que tem acontecido hoje é que como não vem chovendo nesse período, e as chuvas no Sul estão muito escassas, o Sudeste é que está tendo que fornecer energia para a região. Na medida em que começar a chover no Sul, a gente começa a gerar [energia] por lá. E aí o Sudeste é desonerado”.

Eduardo Barata disse que o que vem, em parte, contribuindo para o fornecimento de energia no país, é a Região Nordeste, uma vez que as usinas eólicas estão “bombando”. “E este é um fenômeno que deverá continuar pelos próximos dois meses, uma vez que esse período que vai até setembro é o ponto alto dos ventos nos estados do Nordeste. São as eólicas instaladas em grande quantidade na região, aliada às térmicas [usinas] que seguram o suprimento de energia nos estados da região e ainda permite a exportação do excedente pelo Sistema Interligado Nacional”.

Notícias Relacionadas

  • Sepé Tiaraju 14 fevereiro, 2019

    Febre amarela: estados do Sul e Sudeste têm vacinação abaixo da meta

    Dados divulgados hoje (14) pelo Ministério da Saúde revelam que cerca de 36,9 milhões de ...

    Leia mais >
  • Sepé Tiaraju 14 fevereiro, 2019

    Moro defende mais rigor na punição a homicidas

    O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, defendeu hoje (14), mais rigor na ...

    Leia mais >
  • Sepé Tiaraju 14 fevereiro, 2019

    Bolsonaro diz que vai “bater o martelo” para reforma da Previdência

    O presidente Jair Bolsonaro disse que pretende “bater o martelo” hoje (14) sobre a proposta ...

    Leia mais >
© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.