Assembleia aprova LDO com congelamento de salários

Sepé Tiaraju 11 julho, 2018 Fonte: Correio do Povo

Por 33 votos favoráveis e 19 contrários, a Assembleia Legislativa aprovou na terça-feira, 10, a proposta do Executivo que dispõe sobre a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para 2019. O texto aprovado apresenta a previsão de R$ 49,9 bilhões em receitas e R$ 56,7 bilhões em despesas, constituindo o cálculo de R$ 6,8 bilhões de déficit nas contas públicas. A LDO aprovada também repete o congelamento dos salários dos servidores pelo quarto ano consecutivo.

A reedição da proposta com enfoque no ajuste fiscal sobre as finanças estaduais sofreu críticas da oposição, principalmente com relação ao congelamento dos salários. “A forma como votamos esta matéria sinaliza para a sociedade como cada partido pretende governar o Estado no próximo ano”, provocou o deputado petista Luiz Fernando Mainardi, referindo-se às bancadas que se colocaram favoráveis à proposta do Poder Executivo.

Relator da proposta na Comissão de Finanças, o deputado Juvir Costela (MDB) rebateu. “A contenção do crescimento das despesas é fundamental no ajuste das contas públicas.” De acordo com o governo, a proposta mantém os mesmos patamares de investimentos nas áreas fundamentais e inclui a previsão de alteração do resultado primário em função da intenção de adesão do Estado ao Regime de Recuperação Fiscal da União.

Notícias Relacionadas

  • Sepé Tiaraju 20 setembro, 2018

    A arte de declamar o Rio Grande

    O CTG Os Legalistas tem dado a atenção a uma importante modalidade artística do tradicionalismo ...

    Leia mais >
  • Sepé Tiaraju 20 setembro, 2018

    Missa marca encerramento das comemorações do Jubileu de Ouro

    Uma celebração especial marcou o encerramento das comemorações do Jubileu de Ouro do Carmelo de ...

    Leia mais >
  • Sepé Tiaraju 20 setembro, 2018

    Carro fica destruído após acidente na ERS 207 entre Crissiumal e Humaitá

    Um acidente de trânsito foi registrado na ERS 207, entre Crissiumal e Humaitá, na madrugada ...

    Leia mais >
© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.