Acusado de estuprar duas meninas é preso em Canoas

Acusado de estuprar duas meninas é preso em Canoas - Foto: Polícia Civil
bernardi 27 março, 2018 Fonte: Polícia Civil/RS

Nesta terça-feira (27) durante ação da Delegacia de Capturas (Decap), do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic) um homem, de 41 anos, foi preso no bairro São Luís, em Canoas. Contra o indivíduo havia um mandado de prisão decorrente de sentença penal definitiva por estupro de vulnerável.

Segundo o delegado Arthur Raldi, o preso é acusado de abusar sexualmente de uma criança, de apenas 5 anos, filha de sua então companheira. A mãe desconfiou dos abusos e conversou com a menina, a qual confirmou que vinha sofrendo os abusos sexuais por parte de seu padrasto, inclusive relatando com riquezas de detalhes os fatos. Frente a esta situação, a mãe procurou a Polícia Civil e registrou o ocorrido em agosto de 2010, tendo sido o primeiro passo que culminou com a expedição, no dia 23/03/18, do mandado de prisão cominando uma pena de 14 anos de reclusão pela imputação dos fatos criminosos. O indivíduo ainda possui outra acusação pelo mesmo delito. Em maio de 2015, ele teria estuprado outra criança, uma menina de 11 anos, também sua enteada, já que era filha de sua atual companheira. O crime foi descoberto pela irmã da vítima, a qual informou que o acusado, além de abusar sexualmente de sua irmã, também agredia fisicamente sua mãe, constantemente – relatou delegado.

Notícias Relacionadas

  • Sepé Tiaraju 17 outubro, 2018

    Suspeito de esconder corpo de mulher em chiqueiro é preso em Pelotas

    O segundo suspeito de matar uma mulher e esconder o corpo em um chiqueiro, em  ...

    Leia mais >
  • Sepé Tiaraju 17 outubro, 2018

    Homem cai de prédio em Passo Fundo

    Na tarde desta terça-feira (16), um homem caiu de um prédio na esquina da rua ...

    Leia mais >
  • Sepé Tiaraju 16 outubro, 2018

    Eleitor que não votou tem 60 dias para justificar ausência

    O eleitor que não pôde votar no primeiro turno das eleições e não conseguiu justificar ...

    Leia mais >
© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.