Acidente no elevador do Hospital de Panambi mata idosa de 88 anos

Vítima estava internada e retornava ao quarto após passar por procedimentos
Lucas de Campos 1 julho, 2015 Fonte:

 

Um grave acidente ocorrido as 16h30 no elevador da Sociedade Hospital Panambi na tarde de terça-feira(30) causou a morte de uma idosa de 88 anos.

 A Sra. Lusinda Schermack, tinha 88 anos, completaria 89 no dia 29 de julho, residente na Linha Iriapira, interior de Panambi, encontrava-se internada no Hospital e estava sendo conduzida em uma maca, de uma sala de exames ao quarto, quando ao chegar no elevador do Hospital a maca foi colocada, primeiramente com as duas rodas da parte inferior do corpo (pés), sendo que as duas rodas da maca na parte em que se encontrava a cabeça da vítima ficaram para fora do elevador, o qual  foi acionado e começou a subir.De acordo com informes não oficiais, uma enfermeira do hospital teria entrado no elevador e uma cuidadora particular ficado do lado de fora. Quando notou que o elevador começou a subir a cuidadora tentou segurar o mesmo com as mãos, o que logicamente era impossível. O corpo da idosa foi elevado e teve sua parte superior esmagada contra a coluna de sustentação da porta.

 O elevador do Hospital de Panambi não tem sistema eletrônico seu acionamento é manual e já se encontra em uso por mais de 20 anos, sendo que a manutenção é feita por funcionário da própria instituição.O Administrador da Sociedade Hospital Panambi, Sr. Vilmar e o advogado Odilo Zimmermann, informaram a reportagem que lamentam profundamente o acidente, que não podem se manifestar a respeito das causas em que resultaram neste insólito ocorrido e, que  estão aguardando a perícia técnica para se manifestarem com precisão sobre o fato.O local foi interditado pela Polícia Civil e guarnecido pela Brigada Militar até a chegada dos agentes da Perícia Técnica que vieram de Santo Ângelo. O corpo da Sra. Lusinda foi levado ao Instituto Médico Legal em Ijuí, onde será procedido o auto de necropsia e somente após este procedimento o corpo será liberado para os atos fúnebres que estarão sob responsabilidade da Funerária Loose.Lusinda Schermack, era natural de Panambi, onde nasceu em 29 de julho de 1926, era filha de Henrique Guilherme Lohmann e Carlota Lohmann, era viúva de Adolfo Schermack com o qual tive três filhos Roberto(já falecido) Rudi e Herberto.

 

© Copyright 2017, Todos os direitos reservados.